Apesar de ainda não estar disponível no Brasil o 5G já vem sendo explorado por aqui.

Enquanto as operadoras de telefonia habilitaram a rede de DSS que serve como uma prévia dos 5G de verdade as fabricantes já lançaram celulares compatíveis com as frequências e que oferecem mais capacidades do que parte dos aparelhos 4G convencionais.

Em um rápido resumo o 5G DSS habilitam o 5g com capacidades das gerações anteriores como o 4G LT mas no padrão 5G NR New Radio.

A diferença principal é que a tecnologia não possui as frequências dedicadas que garantem uma velocidade superior. Ou seja ela atinge velocidades altas de conexão mas ainda não entrega todo o potencial que é capaz.

Segundo o edital do leilão dos 5G aprovado pela Anatel, a tecnologia deverá funcionar em todas as capitais do país até julho de 2022 e deverá atingir todas as cidades brasileiras em 2029.

Porém no entanto o leilão ainda precisa acontecer, de acordo com Fábio Faria Ministro das Comunicações ele está previsto para junho ou julho do ano que vem.

As frequências funcionaram em quatro bandas, 700MHz / 2,3GHz / 3,5GHz e 26GHz. As principais são as de 3,5 giga-hertz e 26GHz que permitem conexões de longo alcance e habilitam a faixa milimétrica respectivamente.

Modelos de celulares compatíveis com a tecnologia

Até o momento temos no Brasil alguns modelos de celulares compatíveis com 5G já sendo vendido.

Alguns celulares da marca Motorola já são compatíveis com as bandas que vem sendo exploradas pelos 5G DSS e que deverão ser utilizadas quando o leilão dos 5G for aprovado e as redes começarem a operar.

Entre os modelos que são compatíveis temos o Motorola Edge e o Edge Plus que foram lançados recentemente. O moto G 5G e o Moto 5G Plus que foram lançados no final do ano passado.

O Lenovo Lidian Fone celular Gamer lançado no começo deste ano e o mais recente Moto G100 que além de serem modelos novos são compatíveis com a rede provisória.

Quando o 5G estiver disponível efetivamente eles continuaram com a mesma disponibilidade, com exceção de alguns modelos que não são compatíveis com a faixa milimétrica.

Realme 8 5G chega ao Brasil

A empresa anunciou o lançamento oficial do Realme 8 5G no Brasil, de acordo com a fabricante o dispositivo chega como celular 5G mais barato do mercado.

O smartphone foi finalmente lançado no Brasil, o smartphone entra em um segmento intermediário com acabamento em plástico, tela de 6,5 polegadas e resolução full HD Plus.

A parte traseira ganha destaque com um conjunto triplo de câmeras, com uma lente para fotos de 48 Megapixels outra para imagens macro com 2 Megapixels e uma terceira utilizada para auxiliar nos registros com fundo desfocado.

Já a câmera frontal é capaz de fazer selfies em 16 Megapixels. Por dentro o Realme 8 5G é equipado com o processador Mediatek, bateria de 5000mAh, 8Gb de Ram e 128 Gb em espaço interno.

E claro traz suporte a tecnologia 5G, quem quiser adquirir o modelo do celular saiba que ele custará aproximadamente R$2.300 se tratando de celulares com tecnologia 5G o valor esta bem competitivo.

A REVOLUÇÃO DO 5G

A Coreia do Sul já tem rede 5G em todo o país há mais de dez anos.

Em outros países algumas cidades já usam a velocidade da nova tecnologia que pode ser até 100 vezes mais rápida que a 4G. China e Japão também devem estrear o seu sistema em pouco tempo.

E o Brasil quando vamos entrar na era da super velocidade da internet móvel? O 5G não é só uma rede de celular mais rápido para você poder ver filmes em HD no celular onde quer que você esteja.

A tecnologia tem uma largura de banda maior e menor latência, ou seja a informação é transmitida de um aparelho para outro quase imediatamente.

Além disso o 5G também traz uma série de vantagens que vão fazer avançar tecnologias que hoje estão travadas por falta de uma rede estável, barata e com grande cobertura.

A internet das coisas é a principal dessas tecnologias, ela pode dar inteligência e conectividade a praticamente qualquer dispositivo de uma máquina industrial a um crachá de funcionário.

Ela deve revolucionar a logística e a integração entre a indústria e comércio. A IOT deve proporcionar gigantescos ganhos de produtividade.

Temos sensores ligados a máquinas, a prateleiras e monitorando a produção agropecuária. Na outra ponta estarão programas poderosos que usam tecnologias como Inteligência Artificial. Assim as próprias máquinas vão tomar decisões como aumentar a produção ou alertar que determinada máquina precisa de manutenção.

Vantagens que o 5G trás para a tecnologia

Na base disso tudo vai estar o 5G, essa tecnologia vai possibilitar mais do que fabrica mais produtivas. Cidades terão sua iluminação, trânsito, níveis de poluição, sistema de água e esgoto conectados numa rede inteligente.

Sensores de vibração vão analisar a segurança de pontes e edifícios com desgaste de materiais e bombeiros poderão ser chamados assim que um sensor detectar fogo em um prédio por exemplo.

A comunicação entre veículos vai melhorar a segurança no trânsito, cirurgias à distância e o uso de robôs. Intervenções muito delicadas vão ser possíveis graças à maior confiabilidade da rede 5G.

Isso não é tudo, nós estaremos conectados pelo 5G, tecnologias que ainda estão no início vão mudar radicalmente a vida de todos nós.

Um relógio de pulso por exemplo poderá monitorar o batimento cardíaco a pressão e o nível de oxigênio no sangue da pessoa e compartilhar esses dados com o médico dela ou plano de saúde.

VEJA TAMBÉM: No Brasil a Netflix anuncia aumento nos preços de suas assinaturas

Tecnologia avançada

Tudo isso ainda está em andamento o 5G não vai ser implementado de uma hora para outra, além das questões legais como o leilão que está previsto para acontecer a outras questões técnicas. Gb Whatsa via mega

Uma parte da tecnologia 5G usa a rede atual de 3 e 4G. Mas para alcançar todo o seu potencial vai ser necessário investir em antenas específicas de 5G e outros equipamentos.

A participação da Huawei na implantação das redes de 5G pelo mundo todo tem sido alvo de críticas e restrições principalmente dos Estados Unidos.

Nos EUA a empresa foi banido do país, o novo presidente ainda não retomou as negociações com a China sobre esse assunto. Além dos Estados Unidos o Reino Unido, Austrália e a Suécia também decidiram banir a tecnologia chinesa.

Entre os países que vão usar a tecnologia de 5G da Huawei está Alemanha a maior economia da Europa. Aqui no Brasil o governo vai exigir a implantação de uma rede privativa de comunicação para administração Federal. Um requisitos de segurança que devem ser cumpridos pelas empresas vencedoras do leilão de 5G. Gb Whatsa Media fire

Essa foi uma solução encontrada para afastar as restrições do presidente atual a chinesa Huawei. Ao mesmo tempo não impedir a atuação da empresa aqui no Brasil, o que traria enorme prejuízo as operadoras de telecomunicação. pack textura aqui

Aminesia Fan game

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

3 × 3 =